Cantares 4



1 Eis que és formosa, amiga minha, eis que és formosa; os teus olhos são como os das pombas entre as tuas tranças, o teu cabelo é como o rebanho de cabras que pastam no monte de Gileade.

1 Como és formosa, amada minha, eis que és formosa! os teus olhos são como pombas por detrás do teu véu; o teu cabelo é como o rebanho de cabras que descem pelas colinas de Gileade.

1 Como és bela, minha amada, como és linda! Os teus olhos, por trás do teu véu, são viçosos como os olhos das jovens pombas de Israel. O teu cabelo é como um rebanho de cabras que vem descendo pelas colinas de Gileade.

1 "How beautiful you are, my darling, How beautiful you are! Your eyes are like doves behind your veil; Your hair is like a flock of goats That have descended from Mount Gilead.

2 Os teus dentes são como o rebanho das ovelhas tosquiadas, que sobem do lavadouro, e das quais todas produzem gêmeos, e nenhuma há estéril entre elas.

2 Os teus dentes são como o rebanho das ovelhas tosquiadas, que sobem do lavadouro, e das quais cada uma tem gêmeos, e nenhuma delas é desfilhada.

2 Teus dentes...um rebanho de ovelhas brancas tosquiadas subindo após o banho, cada qual com suas crias gêmeas e nenhuma delas está sem filhotes.

2 "Your teeth are like a flock of newly shorn ewes Which have come up from their washing, All of which bear twins, And not one among them has lost her young.

3 Os teus lábios são como um fio de escarlata, e o teu falar é doce; a tua fronte é qual pedaço de romã entre as tuas tranças.

3 Os teus lábios são como um fio de escarlate, e a tua boca e formosa; as tuas faces são como as metades de uma roma por detrás do teu véu.

3 Os teus lábios são como um fio vermelho e delicado e a tua boca é linda. As tuas faces são como metades de uma romã por trás do teu véu.

3 "Your lips are like a scarlet thread, And your mouth is lovely Your temples are like a slice of a pomegranate Behind your veil.

4 O teu pescoço é como a torre de Davi, edificada para pendurar armas; mil escudos pendem dela, todos broquéis de valorosos.

4 O teu pescoço é como a torre de Davi, edificada para sala de armas; no qual pendem mil broquéis, todos escudos de guerreiros valentes.

4 O teu pescoço é como a torre de Davi, erguida como arsenal. Nela estão pendurados mil escudos de guerra, todos eles escudos que pertenceram a guerreiros heróicos.

4 "Your neck is like the tower of David, Built with rows of stones On which are hung a thousand shields, All the round shields of the mighty men.

5 Os teus dois peitos são como dois filhos gêmeos da gazela, que se apascentam entre os lírios.

5 Os teus seios são como dois filhos gêmeos da gazela, que se apascentam entre os lírios.

5 Teus seios são como dois filhotes de cervo, como crias gêmeas de uma gazela vigorosa e que repousam entre os lírios.

5 "Your two breasts are like two fawns, Twins of a gazelle Which feed among the lilies.

6 Antes que refresque o dia e caiam as sombras, irei ao monte da mirra e ao outeiro do incenso.

6 Antes que refresque o dia e fujam as sombras, irei ao monte da mirra e ao outeiro do incenso.

6 Enquanto não chega a aurora e as sombras da noite não fogem, irei à montanha da mirra e à colina do incenso.

6 "Until the cool of the day When the shadows flee away, I will go my way to the mountain of myrrh And to the hill of frankincense.

7 Tu és toda formosa, amiga minha, e em ti não há mancha.

7 Tu és toda formosa, amada minha, e em ti não há mancha.

7 És, portanto, toda bela, minha amada, e não tens um só defeito!

7 "You are altogether beautiful, my darling, And there is no blemish in you.

8 Vem comigo do Líbano, minha esposa, vem comigo do Líbano; olha desde o cume de Amana, desde o cume de Senir e de Hermom, desde as moradas dos leões, desde os montes dos leopardos.

8 Vem comigo do Líbano, noiva minha, vem comigo do Líbano. Olha desde o cume de Amana, desde o cume de Senir e de Hermom, desde os covis dos leões, desde os montes dos leopardos.

8 Vem do Líbano, noiva minha! Vem comigo do Líbano, meu amor! Desce do topo do Amana, do topo do Senir e do monte Hermom, das covas dos leões, da montanha dos leopardos.

8 "Come with me from Lebanon, my bride, May you come with me from Lebanon Journey down from the summit of Amana, From the summit of Senir and Hermon, From the dens of lions, From the mountains of leopards.

9 Tiraste-me o coração, minha irmã, minha esposa; tiraste-me o coração com um dos teus olhos, com um colar do teu pescoço.

9 Enlevaste-me o coração, minha irmã, noiva minha; enlevaste- me o coração com um dos teus olhares, com um dos colares do teu pescoço.

9 Furtaste-me o coração, minha igual, minha noiva amada. Roubaste-me toda a alma com um simples olhar, com uma simples joia dos teus preciosos colares.

9 "You have made my heart beat faster, my sister, my bride; You have made my heart beat faster with a single glance of your eyes, With a single strand of your necklace.

10 Que belos são os teus amores, irmã minha! Ó esposa minha! Quanto melhores são os teus amores do que o vinho! E o aroma dos teus bálsamos do que o de todas as especiarias!

10 Quão doce é o teu amor, minha irmã, noiva minha! quanto melhor é o teu amor do que o vinho! e o aroma dos teus ungüentos do que o de toda sorte de especiarias!

10 Quão deliciosas são as tuas carícias, minha irmã, minha noiva amada! Teus amores são mais agradáveis que o melhor e mais puro dos vinhos. A fragrância do teu perfume supera a mais cara especiaria!

10 "How beautiful is your love, my sister, my bride! How much better is your love than wine, And the fragrance of your oils Than all kinds of spices!

11 Favos de mel manam dos teus lábios, minha esposa! Mel e leite estão debaixo da tua língua, e o cheiro das tuas vestes é como o cheiro do Líbano.

11 Os teus lábios destilam o mel, noiva minha; mel e leite estão debaixo da tua língua, e o cheiro dos teus vestidos é como o cheiro do Líbano.

11 Os teus lábios gotejam a doçura dos favos de mel, minha amada noiva; leite e mel estão debaixo da tua língua. O aroma das tuas vestes é como o perfume do Líbano.

11 "Your lips, my bride, drip honey; Honey and milk are under your tongue, And the fragrance of your garments is like the fragrance of Lebanon.

12 Jardim fechado és tu, irmã minha, esposa minha, manancial fechado, fonte selada.

12 Jardim fechado é minha irmã, minha noiva, sim, jardim fechado, fonte selada.

12 És como um jardim fechado, minha noiva e minha irmã em Israel; és jardim fechado, uma fonte lacrada.

12 "A garden locked is my sister, my bride, A rock garden locked, a spring sealed up.

13 Os teus renovos são um pomar de romãs, com frutos excelentes: o cipreste e o nardo,

13 Os teus renovos são um pomar de romãs, com frutos excelentes; a hena juntamente com nardo,

13 De ti brota um pomar de romãs graúdas, com frutos excelentes e saborosos; flores de hena perfumada e nardo puro;

13 "Your shoots are an orchard of pomegranates With choice fruits, henna with nard plants,

14 o nardo e o açafrão, o cálamo e a canela, com toda a sorte de árvores de incenso, a mirra e aloés, com todas as principais especiarias.

14 o nardo, e o açafrão, o cálamo, e o cinamomo, com toda sorte de árvores de incenso; a mirra e o aloés, com todas as principais especiarias.

14 nardo e açafrão, cálamo e canela, com todo tipo de madeiras aromáticas, mirra e aloés, com todas as mais finas e caras especiarias.

14 Nard and saffron, calamus and cinnamon, With all the trees of frankincense, Myrrh and aloes, along with all the finest spices.

15 És a fonte dos jardins, poço das águas vivas, que correm do Líbano!

15 És fonte de jardim, poço de águas vivas, correntes que manam do Líbano!

15 Amada, és a fonte do mais lindo jardim, origem das águas vivas, que se tornam correntes e descem volumosas e refrescantes do Líbano!

15 "You are a garden spring, A well of fresh water, And streams flowing from Lebanon."

16 Levanta-te, vento norte, e vem tu, vento sul; assopra no meu jardim, para que se derramem os seus aromas. Ah! Se viesse o meu amado para o seu jardim, e comesse os seus frutos excelentes!

16 Levanta-te, vento norte, e vem tu, vento sul; assopra no meu jardim, espalha os seus aromas. Entre o meu amado no seu jardim, e coma os seus frutos excelentes!

16 Desperta, ó vento norte! Aproxima-te, vento sul! Soprai em meu jardim, a fim de espalhar por toda a parte os teus perfumes. Ah! Que meu amado entre em seu jardim e coma os seus frutos deliciosos!

16 "Awake, O north wind, And come, wind of the south; Make my garden breathe out fragrance, Let its spices be wafted abroad May my beloved come into his garden And eat its choice fruits!"



Public Domain - Portuguese Bible [Almeida:1628-1691]

Bíblia King James Atualizada (Português) © 2012 Abba Press. Usado com permissão.

n/a

New American Standard Bible Copyright ©1960, 1962, 1963, 1968, 1971, 1972, 1973, 1975, 1977, 1995 by The Lockman Foundation, La Habra, Calif. All rights reserved. For Permission to Quote Information visit http://www.lockman.org