Isaías 59



1 Eis que a mão do SENHOR não está encolhida, para que não possa salvar; nem agravado o seu ouvido, para não poder ouvir.

1 Eis que a mão do Senhor não está encolhida, para que não possa salvar; nem surdo o seu ouvido, para que não possa ouvir;

1 Não, o braço forte de Yahweh não está encolhido que não possa alcançar-nos com a salvação; nem o seu ouvido está tampado que não possa ouvir.

1 Behold, the LORD'S hand is not so short That it cannot save; Nor is His ear so dull That it cannot hear.

2 Mas as vossas iniquidades fazem separação entre vós e o vosso Deus; e os vossos pecados encobrem o seu rosto de vós, para que não vos ouça.

2 mas as vossas iniqüidades fazem separação entre vós e o vosso Deus; e os vossos pecados esconderam o seu rosto de vós, de modo que não vos ouça.

2 No entanto, são as vossas maldades que fazem separação entre vós e o vosso Deus. Os vossos pecados nublaram e esconderam de vós a face do SENHOR, e por isso ele não lhes dará ouvidos!

2 But your iniquities have made a separation between you and your God, And your sins have hidden His face from you so that He does not hear.

3 Porque as vossas mãos estão contaminadas de sangue, e os vossos dedos de iniquidade; os vossos lábios falam falsidade, a vossa língua pronuncia perversidade.

3 Porque as vossas mãos estão contaminadas de sangue, e os vossos dedos de iniqüidade; os vossos lábios falam a mentira, a vossa língua pronuncia perversidade.

3 Em verdade, as vossas mãos estão manchadas de sangue e os vossos dedos, de iniquidade e culpa; os vossos lábios falam mentiras e a vossa língua murmura palavras ímpias.

3 For your hands are defiled with blood And your fingers with iniquity; Your lips have spoken falsehood, Your tongue mutters wickedness.

4 Ninguém há que clame pela justiça, nem ninguém que compareça em juízo pela verdade; confiam na vaidade, e falam mentiras; concebem o mal, e dão à luz a iniquidade.

4 Ninguém há que invoque a justiça com retidão, nem há quem pleiteie com verdade; confiam na vaidade, e falam mentiras; concebem o mal, e dão à luz a iniqüidade.

4 Não há quem pleiteie sua causa com justiça, não há quem busque o direito, e nem faça sua defesa com retidão e sinceridade. Todos apóiam seus argumentos em falatório vazio e mentiras; concebem maldades e geram mais iniquidade.

4 No one sues righteously and no one pleads honestly They trust in confusion and speak lies; They conceive mischief and bring forth iniquity.

5 Chocam ovos de basilisco, e tecem teias de aranha; o que comer dos ovos deles, morrerá; e, quebrando-os, sairá uma víbora.

5 Chocam ovos de basiliscos, e tecem teias de aranha; o que comer dos ovos deles, morrerá; e do ovo que for pisado sairá uma víbora.

5 Chocam ovos de cobra e tecem teias de aranha. Quem comer tais ovos encontra a morte e de cada ovo esmagado sai uma víbora.

5 They hatch adders' eggs and weave the spider's web; He who eats of their eggs dies, And from that which is crushed a snake breaks forth.

6 As suas teias não prestam para vestes nem se poderão cobrir com as suas obras; as suas obras são obras de iniquidade, e obra de violência há nas suas mãos.

6 As suas teias não prestam para vestidos; nem se poderão cobrir com o que fazem; as suas obras são obras de iniqüidade, e atos de violência há nas suas mãos.

6 As teias não servem para a confecção de roupas; mas eles conseguem cobrir-se com o que fazem. Suas obras são malignas; tão somente atos de violência procedem de suas mãos.

6 Their webs will not become clothing, Nor will they cover themselves with their works; Their works are works of iniquity, And an act of violence is in their hands.

7 Os seus pés correm para o mal, e se apressam para derramarem o sangue inocente; os seus pensamentos são pensamentos de iniquidade; destruição e quebrantamento há nas suas estradas.

7 Os seus pés correm para o mal, e se apressam para derramarem o sangue inocente; os seus pensamentos são pensamentos de iniqüidade; a desolação e a destruiçao acham-se nas suas estradas.

7 Seus pés correm apressadamente para tudo quanto é maligno, são ágeis em derramar sangue inocente. Seus pensamentos são continuamente maus; ruína e extermínio marcam seus caminhos.

7 Their feet run to evil, And they hasten to shed innocent blood; Their thoughts are thoughts of iniquity, Devastation and destruction are in their highways.

8 Não conhecem o caminho da paz, nem há justiça nos seus passos; fizeram para si veredas tortuosas; todo aquele que anda por elas não tem conhecimento da paz.

8 O caminho da paz eles não o conhecem, nem há justiça nos seus passos; fizeram para si veredas tortas; todo aquele que anda por elas não tem conhecimento da paz.

8 Não conhecem o Caminho da Paz; não existe justiça em suas intenções e práticas. Eles transformaram todo o direito em caminhos tortuosos; quem andar por eles jamais verá a paz.

8 They do not know the way of peace, And there is no justice in their tracks; They have made their paths crooked, Whoever treads on them does not know peace.

9 Por isso o juízo está longe de nós, e a justiça não nos alcança; esperamos pela luz, e eis que só há trevas; pelo resplendor, mas andamos em escuridão.

9 Pelo que a justiça está longe de nós, e a retidão não nos alcança; esperamos pela luz, e eis que só há trevas; pelo resplendor, mas andamos em escuridão.

9 Por esta razão a justiça está muito longe de nós, e a retidão não consegue nos alcançar; buscamos e procuramos por ela, mas tudo são trevas. Ansiamos encontrar a claridade, mas caminhamos sob densas sombras.

9 Therefore justice is far from us, And righteousness does not overtake us; We hope for light, but behold, darkness, For brightness, but we walk in gloom.

10 Apalpamos as paredes como cegos, e como os que não têm olhos andamos apalpando; tropeçamos ao meio-dia como nas trevas, e nos lugares escuros como mortos.

10 Apalpamos as paredes como cegos; sim, como os que não têm olhos andamos apalpando; tropeçamos ao meio-dia como no crepúsculo, e entre os vivos somos como mortos.

10 Como aqueles que não podem enxergar andamos tateando o muro, apalpamos como os cegos buscam um caminho. Mesmo sob a luz do meio-dia tropeçamos como se fosse noite; entre os fortes somos mais que fracos, estamos como mortos.

10 We grope along the wall like blind men, We grope like those who have no eyes; We stumble at midday as in the twilight, Among those who are vigorous we are like dead men.

11 Todos nós bramamos como ursos, e continuamente gememos como pombas; esperamos pelo juízo, e não o há; pela salvação, e está longe de nós.

11 Todos nós bramamos como ursos, e andamos gemendo como pombas; esperamos a justiça, e ela não aparece; a salvação, e ela está longe de nós.

11 Todos nós urramos como ursos; gememos como pombas. Aplicamos todo o nosso esforço na busca da justiça e alcançamos nada! Procuramos desesperadamente o livramento, mas este se distancia cada vez mais!

11 All of us growl like bears, And moan sadly like doves; We hope for justice, but there is none, For salvation, but it is far from us.

12 Porque as nossas transgressões se multiplicaram perante ti, e os nossos pecados testificam contra nós; porque as nossas transgressões estão conosco, e conhecemos as nossas iniquidades;

12 Porque as nossas transgressões se multiplicaram perante ti, e os nossos pecados testificam contra nós; pois as nossas transgressões estão conosco, e conhecemos as nossas iniqüidades.

12 E tudo isso acontece porque são numerosas as nossas transgressões diante da tua pessoa e os nossos pecados gritam contra nós! Em verdade nossos erros e maldades estão sempre em nossos corações, e, portanto, reconhecemos nossas iniquidades:

12 For our transgressions are multiplied before You, And our sins testify against us; For our transgressions are with us, And we know our iniquities:

13 Como o prevaricar, e mentir contra o SENHOR, e o desviarmo-nos do nosso Deus, o falar de opressão e rebelião, o conceber e proferir do coração palavras de falsidade.

13 transgredimos, e negamos o Senhor, e nos desviamos de seguir após o nosso Deus; falamos a opressão e a rebelião, concebemos e proferimos do coração palavras de falsidade.

13 negar e rebelar-nos contra Yahweh, traindo o nosso SENHOR; deixar de segui-lo, estimular a opressão e a revolta, proferir as mentiras que os nossos corações costumam conceber.

13 Transgressing and denying the LORD, And turning away from our God, Speaking oppression and revolt, Conceiving in and uttering from the heart lying words.

14 Por isso o direito se tornou atrás, e a justiça se pós de longe; porque a verdade anda tropeçando pelas ruas, e a equidade não pode entrar.

14 Pelo que o direito se tornou atrás, e a justiça se pôs longe; porque a verdade anda tropeçando pelas ruas, e a eqüidade não pode entrar.

14 Assim a justiça retrocede e a sabedoria fica longe, porquanto a verdade tombou na praça, e a honestidade não consegue mais entrar na cidade.

14 Justice is turned back, And righteousness stands far away; For truth has stumbled in the street, And uprightness cannot enter.

15 Sim, a verdade desfalece, e quem se desvia do mal arrisca-se a ser despojado; e o SENHOR viu, e pareceu mal aos seus olhos que não houvesse justiça.

15 Sim, a verdade desfalece; e quem se desvia do mal arrisca-se a ser despojado; e o Senhor o viu, e desagradou-lhe o não haver justiça.

15 Não mais se encontra a retidão em parte alguma e quem se aparta do mal é vítima de roubo e violência. O SENHOR observou tudo isso e indignou-se com a falta de justiça.

15 Yes, truth is lacking; And he who turns aside from evil makes himself a prey Now the LORD saw, And it was displeasing in His sight that there was no justice.

16 E vendo que ninguém havia, maravilhou-se de que não houvesse um intercessor; por isso o seu próprio braço lhe trouxe a salvação, e a sua própria justiça o susteve.

16 E viu que ninguém havia, e maravilhou-se de que não houvesse um intercessor; pelo que o seu próprio braço lhe trouxe a salvação, e a sua própria justiça o susteve;

16 Ele viu que não havia ninguém, admirou-se de que ninguém tivesse coragem de intervir e fazer o que é certo; então usou o seu próprio braço para trazer-lhe livramento e a sua retidão como apoio.

16 And He saw that there was no man, And was astonished that there was no one to intercede; Then His own arm brought salvation to Him, And His righteousness upheld Him.

17 Pois vestiu-se de justiça, como de uma couraça, e pós o capacete da salvação na sua cabeça, e por vestidura pós sobre si vestes de vingança, e cobriu-se de zelo, como de um manto.

17 vestiu-se de justiça, como de uma couraça, e pôs na cabeça o capacete da salvação; e por vestidura pôs sobre si vestes de vingança, e cobriu-se de zelo, como de um manto.

17 Empunhou sua justiça como couraça contra os ataques, colocou na cabeça o capacete da salvação; vestiu-se de vingança e envolveu-se de zelo como em uma capa.

17 He put on righteousness like a breastplate, And a helmet of salvation on His head; And He put on garments of vengeance for clothing And wrapped Himself with zeal as a mantle.

18 Conforme forem as obras deles, assim será a sua retribuição, furor aos seus adversários, e recompensa aos seus inimigos; às ilhas dará ele a sua recompensa.

18 Conforme forem as obras deles, assim será a sua retribuição, furor aos seus adversários, e recompensa aos seus inimigos; às ilhas dará ele a sua recompensa.

18 Ele retribuirá conforme as obras de cada um: aos seus inimigos, castigo; aos seus adversários, a devida recompensa; às ilhas, a merecida retribuição por seus feitos.

18 According to their deeds, so He will repay, Wrath to His adversaries, recompense to His enemies; To the coastlands He will make recompense.

19 Então temerão o nome do SENHOR desde o poente, e a sua glória desde o nascente do sol; vindo o inimigo como uma corrente de águas, o Espírito do SENHOR arvorará contra ele a sua bandeira.

19 Então temerão o nome do Senhor desde o poente, e a sua glória desde o nascente do sol; porque ele virá tal uma corrente impetuosa, que o assopro do Senhor impele.

19 Desde o poente os seres humanos haverão de temer o Nome de Yahweh e desde o nascente, a sua Glória! Porquanto ele virá como uma inundação impelida pelo sopro soberano de Yahweh.

19 So they will fear the name of the LORD from the west And His glory from the rising of the sun, For He will come like a rushing stream Which the wind of the LORD drives.

20 E virá um Redentor a Sião e aos que em Jacó se converterem da transgressão, diz o SENHOR.

20 E virá um Redentor a Sião e aos que em Jacó se desviarem da transgressão, diz o Senhor.

20 “Eis que o Redentor vira de Tsión, Sião, aos que em Jacó se arrependerem dos seus pecados!” Assevera o SENHOR!

20 "A Redeemer will come to Zion, And to those who turn from transgression in Jacob," declares the LORD.

21 Quanto a mim, esta é a minha aliança com eles, diz o SENHOR: o meu espírito, que está sobre ti, e as minhas palavras, que pus na tua boca, não se desviarão da tua boca nem da boca da tua descendência, nem da boca da descendência da tua descendência, diz o SENHOR, desde agora e para todo o sempre.

21 Quanto a mim, este é o meu pacto com eles, diz o Senhor: o meu Espírito, que está sobre ti, e as minhas palavras, que pus na tua boca, não se desviarão da tua boca, nem da boca dos teus filhos, nem da boca dos filhos dos teus filhos, diz o Senhor, desde agora e para todo o sempre.

21 “Quanto a mim, esta é a minha Aliança para com eles” afirma Yahweh. “O meu Espírito que está em ti e a minha Palavra que coloquei em tua boca não se afastarão jamais de teu coração, nem da boca dos teus filhos e dos descendentes deles, desde este momento e por toda a eternidade!” Palavra do Eterno!

21 "As for Me, this is My covenant with them," says the LORD: "My Spirit which is upon you, and My words which I have put in your mouth shall not depart from your mouth, nor from the mouth of your offspring, nor from the mouth of your offspring's offspring," says the LORD, "from now and forever."



Public Domain - Portuguese Bible [Almeida:1628-1691]

Bíblia King James Atualizada (Português) © 2012 Abba Press. Usado com permissão.

n/a

New American Standard Bible Copyright ©1960, 1962, 1963, 1968, 1971, 1972, 1973, 1975, 1977, 1995 by The Lockman Foundation, La Habra, Calif. All rights reserved. For Permission to Quote Information visit http://www.lockman.org