Jó 39



1 Sabes tu o tempo em que as cabras monteses têm os filhos, ou consideraste as dores das cervas?

1 Sabes tu o tempo do parto das cabras montesas, ou podes observar quando é que parem as corças?

1 Sabes tu o tempo em que as cabras monteses têm os filhos ou cuidaste das corças quando dão suas crias?

1 "Do you know the time the mountain goats give birth? Do you observe the calving of the deer?

2 Contarás os meses que cumprem ou sabes o tempo do seu parto?

2 Podes contar os meses que cumprem, ou sabes o tempo do seu parto?

2 Pode contar os meses que cumprem, ou sabes a hora do seu parto?

2 "Can you count the months they fulfill, Or do you know the time they give birth?

3 Elas encurvam-se, para terem seus filhos, e lançam de si as suas dores.

3 Encurvam-se, dão à luz as suas crias, lançam de si a sua prole.

3 Elas se agacham, dão à luz os seus filhotes, e suas dores se vão.

3 "They kneel down, they bring forth their young, They get rid of their labor pains.

4 Seus filhos enrijam, crescem com o trigo, saem, e nunca mais tornam para elas.

4 Seus filhos enrijam, crescem no campo livre; saem, e não tornam para elas:

4 Seus filhotes crescem saudáveis e vigorosos pelos campos; partem, e não voltam mais.

4 "Their offspring become strong, they grow up in the open field; They leave and do not return to them.

5 Quem despediu livre o jumento montês, e quem soltou as prisões ao jumento bravo,

5 Quem despediu livre o jumento montês, e quem soltou as prisões ao asno veloz,

5 Quem deu ao jumento selvagem a plena liberdade? Quem libertou esse animal forte e veloz das suas amarras?

5 "Who sent out the wild donkey free? And who loosed the bonds of the swift donkey,

6 ao qual dei o ermo por casa e a terra salgada, por moradas?

6 ao qual dei o ermo por casa, e a terra salgada por morada?

6 Eu lhe dei o deserto para habitar, o leito seco dos lagos salgados por morada.

6 To whom I gave the wilderness for a home And the salt land for his dwelling place?

7 Ri-se do arruído da cidade; não ouve os muitos gritos do exator.

7 Ele despreza o tumulto da cidade; não obedece os gritos do condutor.

7 Ele zomba da agitação das grandes cidades; não dá ouvidos ao brado dos tropeiros.

7 "He scorns the tumult of the city, The shoutings of the driver he does not hear.

8 O que descobre nos montes é o seu pasto, e anda buscando tudo que está verde.

8 O circuito das montanhas é o seu pasto, e anda buscando tudo o que está verde.

8 Vagueia pelos montes na busca dos melhores pastos; da relva nova e verde.

8 "He explores the mountains for his pasture And searches after every green thing.

9 Querer-te -á servir o unicórnio ou ficará na tua cavalariça?

9 Quererá o boi selvagem servir-te? ou ficará junto à tua manjedoura?

9 Será que o boi selvagem consentiria em te servir? Ficaria, pois, junto à tua manjedoura?

9 "Will the wild ox consent to serve you, Or will he spend the night at your manger?

10 Ou amarrarás o unicórnio ao rego com uma corda, ou estorroará após ti os vales?

10 Podes amarrar o boi selvagem ao arado com uma corda, ou esterroará ele após ti os vales?

10 Consegues com uma simples corda prender o boi selvagem ao arado? Seguirá ele a ti arando os vales?

10 "Can you bind the wild ox in a furrow with ropes, Or will he harrow the valleys after you?

11 Ou confiarás nele, por ser grande a sua força, ou deixarás a seu cargo o teu trabalho?

11 Ou confiarás nele, por ser grande a sua força, ou deixarás a seu cargo o teu trabalho?

11 Confiarás no boi apenas por causa da sua grande força, ou entregarás a ele a responsabilidade do trabalho duro que te pertence?

11 "Will you trust him because his strength is great And leave your labor to him?

12 Ou te fiarás dele que te torne o que semeaste e o recolha na tua eira?

12 Fiarás dele que te torne o que semeaste e o recolha à tua eira?

12 Fiarás dele que recolherá o teu trigo e o ajuntará na sua eira?

12 "Will you have faith in him that he will return your grain And gather it from your threshing floor?

13 Bate alegre as asas o avestruz, que tem penas de cegonha;

13 Movem-se alegremente as asas da avestruz; mas é benigno o adorno da sua plumagem?

13 A avestruz bate as robustas asas alegremente, mas como explicar o lindo adorno da plumagem da cegonha?1

13 "The ostriches' wings flap joyously With the pinion and plumage of love,

14 ele deixa os seus ovos na terra e os aquenta no pó.

14 Pois ela deixa os seus ovos na terra, e os aquenta no pó,

14 Ela abandona os ovos no chão e simplesmente deixa que a areia os aqueça devidamente,

14 For she abandons her eggs to the earth And warms them in the dust,

15 E se esquece de que algum pé os pode pisar, ou de que podem calcá-los os animais do campo.

15 e se esquece de que algum pé os pode pisar, ou de que a fera os pode calcar.

15 despreocupada que uma pisada poderá esmagá-los, que algum animal selvagem poderá danificá-los.

15 And she forgets that a foot may crush them, Or that a wild beast may trample them.

16 Endurece-se para com seus filhos, como se não fossem seus; debalde é seu trabalho, porquanto está sem temor.

16 Endurece-se para com seus filhos, como se não fossem seus; embora se perca o seu trabalho, ela está sem temor;

16 Ela trata seus filhotes com dureza atroz, como se não lhe pertencessem; não se arrepende se todo o seu trabalho realizado se perder.

16 "She treats her young cruelly, as if they were not hers; Though her labor be in vain, she is unconcerned;

17 Porque Deus o privou de sabedoria e não lhe repartiu entendimento.

17 porque Deus a privou de sabedoria, e não lhe repartiu entendimento.

17 Isso porque Deus não lhe deu sabedoria, nem parcela alguma de bom senso.

17 Because God has made her forget wisdom, And has not given her a share of understanding.

18 A seu tempo se levanta ao alto; ri-se do cavalo e do que vai montado nele.

18 Quando ela se levanta para correr, zomba do cavalo, e do cavaleiro.

18 Entretanto, quando ela se levanta para correr, zomba da velocidade do cavalo com seu cavaleiro.

18 "When she lifts herself on high, She laughs at the horse and his rider.

19 Ou darás tu força ao cavalo, ou revestirás o seu pescoço de crinas?

19 Acaso deste força ao cavalo, ou revestiste de força o seu pescoço?

19 Porventura deste poder ao cavalo, ou revestiste de força o seu pescoço?

19 "Do you give the horse his might? Do you clothe his neck with a mane?

20 Ou espantá-lo-ás, como ao gafanhoto? Terrível é o fogoso respirar das suas ventas.

20 Fizeste-o pular como o gafanhoto? Terrível é o fogoso respirar das suas ventas.

20 Foste tu que o ensinaste a saltar como o gafanhoto, assustando a todos com seu relinchar impressionante?

20 "Do you make him leap like the locust? His majestic snorting is terrible.

21 Escarva a terra, e folga na sua força, e sai ao encontro dos armados.

21 Escarva no vale, e folga na sua força, e sai ao encontro dos armados.

21 Ele escarva no vale e tem prazer em demonstrar a sua força, e sai altaneiro para enfrentar os guerreiros.

21 "He paws in the valley, and rejoices in his strength; He goes out to meet the weapons.

22 Ri-se do temor, e não se espanta, e não torna atrás por causa da espada.

22 Ri-se do temor, e não se espanta; e não torna atrás por causa da espada.

22 Ele ri do medo e nada teme; não recua diante da espada,

22 "He laughs at fear and is not dismayed; And he does not turn back from the sword.

23 Contra ele rangem a aljava, o ferro flamante da lança e o dardo.

23 Sobre ele rangem a aljava, a lança cintilante e o dardo.

23 a aljava balança ao seu lado, com a lança e o dardo flamejantes.

23 "The quiver rattles against him, The flashing spear and javelin.

24 Sacudindo-se e removendo-se, escarva a terra e não faz caso do som da buzina.

24 Tremendo e enfurecido devora a terra, e não se contém ao som da trombeta.

24 Enfurecido e cheio de coragem galopa pela terra e, ansioso, não consegue aguardar o sinal da trombeta.

24 "With shaking and rage he races over the ground, And he does not stand still at the voice of the trumpet.

25 Ao soar das buzinas, diz: Eia! E de longe cheira a guerra, e o trovão dos príncipes, e o alarido.

25 Toda vez que soa a trombeta, diz: Eia! E de longe cheira a guerra, e o trovão dos capitães e os gritos.

25 Assim que escuta o toque da trombeta, ele relincha. Ouve-se então: ‘Eia!’ De longe sente cheiro de guerra, percebe os gritos dos capitães e o alvoroço das tropas.

25 "As often as the trumpet sounds he says, 'Aha!' And he scents the battle from afar, And the thunder of the captains and the war cry.

26 Ou voa o gavião pela tua inteligência, estendendo as suas asas para o sul?

26 É pelo teu entendimento que se eleva o gavião, e estende as suas asas para o sul?

26 É por causa da tua inteligência que o falcão e os demais gaviões alçam voo e estendem as asas rumo ao sul?

26 "Is it by your understanding that the hawk soars, Stretching his wings toward the south?

27 Ou se remonta a águia ao teu mandado e põe no alto o seu ninho?

27 Ou se remonta a águia ao teu mandado, e põe no alto o seu ninho?

27 É por tua ordem que a águia se eleva e nas grandes alturas constrói o seu ninho?

27 "Is it at your command that the eagle mounts up And makes his nest on high?

28 Nas penhas, mora e habita; no cume das penhas, e nos lugares seguros.

28 Mora nas penhas e ali tem a sua pousada, no cume das penhas, no lugar seguro.

28 Mora nos penhascos, ali tem a sua pousada, e no topo das escarpas rochosas faz a sua fortaleza.

28 "On the cliff he dwells and lodges, Upon the rocky crag, an inaccessible place.

29 Dali, descobre a presa; seus olhos a avistam desde longe.

29 Dali descobre a presa; seus olhos a avistam de longe.

29 Dali parte em busca de alimento; de longe seus olhos avistam e seguem sua presa.

29 "From there he spies out food; His eyes see it from afar.

30 Seus filhos chupam o sangue; e onde há mortos, ela aí está.

30 Seus filhos chupam o sangue; e onde há mortos, ela aí está.

30 Seus filhotes se alimentam de sangue, e, onde há mortos, ali ela se apresenta!”

30 "His young ones also suck up blood; And where the slain are, there is he."



Public Domain - Portuguese Bible [Almeida:1628-1691]

Bíblia King James Atualizada (Português) © 2012 Abba Press. Usado com permissão.

n/a

New American Standard Bible Copyright ©1960, 1962, 1963, 1968, 1971, 1972, 1973, 1975, 1977, 1995 by The Lockman Foundation, La Habra, Calif. All rights reserved. For Permission to Quote Information visit http://www.lockman.org