Naum 2



1 O destruidor está já diante de ti; guarda tu a fortaleza, observa o caminho, esforça os lombos, fortalece muito o teu poder.

1 O destruidor sobe contra ti. Guarda tu a fortaleza, vigia o caminho, robustece os lombos, arregimenta bem as tuas forças.

1 Eis que o destruidor já avança contra ti, ó Nínive! Guarda a fortaleza! Vigia a estrada! Fortalece a resistência! Reúne todas as tuas forças!

1 The one who scatters has come up against you. Man the fortress, watch the road; Strengthen your back, summon all your strength.

2 Porque o SENHOR trará outra vez a excelência de Jacó, como a excelência de Israel; porque os que despejam os despejaram e corromperam os seus sarmentos.

2 Pois o Senhor restaura a excelência de Jacó, qual a excelência de Israel; porque os saqueadores os despojaram e destruíram os seus sarmentos.

2 Porquanto Yahweh restaurará o esplendor de Jacó; fará voltar a glória de Israel, ainda que os saqueadores tenham devastado e destruído as tuas videiras.

2 For the LORD will restore the splendor of Jacob Like the splendor of Israel, Even though devastators have devastated them And destroyed their vine branches.

3 Os escudos dos seus valentes estarão vermelhos, os homens valorosos, escarlates, os carros, como fogo de tochas no dia da sua preparação, e as lanças se sacudirão terrivelmente.

3 Os escudos dos seus valentes estão vermelhos, os homens valorosos estão vestidos de escarlate; os carros resplandecem como o aço no dia da sua preparação, e as lanças são brandidas.

3 Os escudos e os uniformes dos teus valorosos militares são vermelhos! Os teus carros de guerra reluzem quando se alinham para a batalha, agitam-se as lanças de pinho.

3 The shields of his mighty men are colored red, The warriors are dressed in scarlet, The chariots are enveloped in flashing steel When he is prepared to march, And the cypress spears are brandished.

4 Os carros se enfurecerão nas praças, chocar-se-ão pelas ruas; o seu parecer é como o de tochas, correrão como relâmpagos.

4 Os carros andam furiosamente nas ruas; cruzam as praças em todas as direções; parecem como tochas, e correm como os relampagos.

4 Os carros de guerra percorrem as ruas e se cruzam velozmente pelos quarteirões. Parecem tochas de fogo e se arremessam como relâmpagos.

4 The chariots race madly in the streets, They rush wildly in the squares, Their appearance is like torches, They dash to and fro like lightning flashes.

5 Este se lembrará das suas riquezas; eles, porém, tropeçarão na sua marcha, apresentar-se-ão no muro, quando o amparo for preparado.

5 Ele se lembra dos seus nobres; eles tropeçam na sua marcha; apressam-se para chegar ao muro de cidade, arma-se a manta.

5 As tropas de elite são convocadas, no entanto, elas chegam tropeçando; correm para a muralha da cidade para formar a linha de defesa.

5 He remembers his nobles; They stumble in their march, They hurry to her wall, And the mantelet is set up.

6 As portas do rio se abrirão, e o palácio se derreterá.

6 As portas dos rios abrem-se, e o palácio está em confusão.

6 As comportas dos rios são abertas, e todo o palácio é destruído.

6 The gates of the rivers are opened And the palace is dissolved.

7 E Huzabe está descoberta; será levada cativa, e as suas servas a acompanharão, gemendo como pombas, batendo em seu peito.

7 E está decretado: ela é despida , e levada cativa; e as suas servas gemem como pombas, batendo em seus peitos.

7 Assim, está decretado: ela está desprotegida e será levada cativa; e as suas jovens servas gemem como o arrulhar das pombas, batendo no peito, em desespero.

7 It is fixed: She is stripped, she is carried away, And her handmaids are moaning like the sound of doves, Beating on their breasts.

8 Nínive, desde que existe, tem sido como um tanque de águas; elas, porém, fogem agora. Parai, parai, clamar-se -á; mas ninguém olhará para trás.

8 Nínive desde que existe tem sido como um tanque de águas; elas, porém, fogem agora: parai, parai, clama-se; mas ninguém olhara para trás.

8 Nínive é como um açude antigo; um enorme tanque de água que agora está vazando. E eles gritam: “Parai! Parai!”, mas ninguém sequer olha para trás.

8 Though Nineveh was like a pool of water throughout her days, Now they are fleeing; "Stop, stop," But no one turns back.

9 Saqueai a prata, saqueai o ouro, porque não tem termo o provimento, abastança há de todo gênero de móveis apetecíveis.

9 Saqueai a prata, saqueai o ouro; pois não ha fim dos tesouros; abastança há de todas as coisas preciosas.

9 Sequestrai toda a prata, saqueai todo o ouro! Seus tesouros não têm fim; está cheia de tudo que é valioso.

9 Plunder the silver! Plunder the gold! For there is no limit to the treasure-- Wealth from every kind of desirable object.

10 Vazia, e esgotada, e devastada ficará; e derrete-se o coração, e tremem os joelhos, e em todos os lombos há dor; e os rostos de todos eles empalidecem.

10 Ela está vazia, esgotada e devastada; derrete-se o coração, tremem os joelhos, e em todos os lombos há dor; o rosto de todos eles empalidece.

10 Ela está saqueada, esgotada e completamente devastada; derrete-se o coração, tremem os joelhos, o corpo está tomado pela dor; o rosto de todos eles empalidece.

10 She is emptied! Yes, she is desolate and waste! Hearts are melting and knees knocking! Also anguish is in the whole body And all their faces are grown pale!

11 Onde está, agora, o covil dos leões e as pastagens dos leõezinhos, onde passeava o leão velho e o filhote do leão, sem haver ninguém que os espantasse?

11 Onde está agora o covil dos leões, e a habitação dos leões novos, onde andavam o leão, e a leoa, e o cachorro do leão, sem haver ninguém que os espantasse?

11 Onde está agora a toca dos leões? O lugar em que alimentavam seus filhotes, onde se abrigavam o leão, a leoa e os leõezinhos, sem nada temer?

11 Where is the den of the lions And the feeding place of the young lions, Where the lion, lioness and lion's cub prowled, With nothing to disturb them?

12 O leão arrebatava o que bastava para os seus filhotes, e estrangulava a presa para as suas leoas, e enchia de presas as suas cavernas e os seus covis, de rapina.

12 O leão arrebatava o que bastava para os seus cachorros, e estrangulava a presa para as suas leoas, e enchia de presas as suas cavernas, e de rapina os seus covis.

12 Onde está o leão que caçava com fartura para alimentar seus filhotes, estrangulava grandes animais para suas leoas, enchia as suas covas de presas e as suas tocas com as suas vítimas?

12 The lion tore enough for his cubs, Killed enough for his lionesses, And filled his lairs with prey And his dens with torn flesh.

13 Eis que eu estou contra ti, diz o SENHOR dos Exércitos, e queimarei na fumaça os teus carros, e a espada devorará os teus leõezinhos, e arrancarei da terra a tua presa, e não se ouvirá mais a voz dos teus embaixadores.

13 Eis que eu estou contra ti, diz o Senhor dos exércitos, e queimarei na fumaça os teus carros, e a espada devorará os teus leões novos; e exterminarei da terra a tua presa; e não se ouvira mais a voz dos teus embaixadores.

13 “Eis que me coloco contra ti”, afirma Yahweh, o SENHOR dos Exércitos; “queimarei os teus carros de guerra no grande incêndio da batalha, e a espada devorará os teus leões fortes; e exterminarei da terra a tua presa; e não se ouvirá mais a voz dos teus embaixadores!”

13 "Behold, I am against you," declares the LORD of hosts "I will burn up her chariots in smoke, a sword will devour your young lions; I will cut off your prey from the land, and no longer will the voice of your messengers be heard."



Public Domain - Portuguese Bible [Almeida:1628-1691]

Bíblia King James Atualizada (Português) © 2012 Abba Press. Usado com permissão.

n/a

New American Standard Bible Copyright ©1960, 1962, 1963, 1968, 1971, 1972, 1973, 1975, 1977, 1995 by The Lockman Foundation, La Habra, Calif. All rights reserved. For Permission to Quote Information visit http://www.lockman.org