Provérbios 6



1 Filho meu, se ficaste por fiador do teu companheiro, se deste a tua mão ao estranho,

1 Filho meu, se ficaste por fiador do teu próximo, se te empenhaste por um estranho,

1 Filho meu, se serviste de fiador ao teu próximo, se, com um aperto de mãos, te comprometeste por um estranho,

1 My son, if you have become surety for your neighbor, Have given a pledge for a stranger,

2 enredaste-te com as palavras da tua boca, prendeste-te com as palavras da tua boca.

2 estás enredado pelos teus lábios; estás preso pelas palavras da tua boca.

2 e ficaste enredado pelas declarações que saíram da tua boca, então és prisioneiro de tua própria palavra.

2 If you have been snared with the words of your mouth, Have been caught with the words of your mouth,

3 Faze, pois, isto agora, filho meu, e livra-te, pois já caíste nas mãos do teu companheiro: vai, humilha-te e importuna o teu companheiro;

3 Faze pois isto agora, filho meu, e livra-te, pois já caíste nas mãos do teu próximo; vai, humilha-te, e importuna o teu próximo;

3 Agora, filho meu, considerando que caíste nas mãos do teu companheiro, vai e humilha-te diante dele; insiste, incomoda e importuna esse teu próximo;

3 Do this then, my son, and deliver yourself; Since you have come into the hand of your neighbor, Go, humble yourself, and importune your neighbor.

4 não dês sono aos teus olhos, nem repouso às tuas pálpebras;

4 não dês sono aos teus olhos, nem adormecimento às tuas pálpebras;

4 não te permitas conciliar o sono, nem que teus olhos pestanejem; não descanses.

4 Give no sleep to your eyes, Nor slumber to your eyelids;

5 livra-te, como a gazela, da mão do caçador e, como a ave, da mão do passarinheiro.

5 livra-te como a gazela da mão do caçador, e como a ave da mão do passarinheiro.

5 Livra-te desse compromisso como a gazela das mãos do caçador, como a ave da armadilha que a pode prender.

5 Deliver yourself like a gazelle from the hunter's hand And like a bird from the hand of the fowler.

6 Vai ter com a formiga, ó preguiçoso; olha para os seus caminhos e sê sábio.

6 Vai ter com a formiga, ó preguiçoso, considera os seus caminhos, e sê sábio;

6 Observa a formiga, ó preguiçoso, reflete sobre o trabalho que ela realiza e sê sábio!

6 Go to the ant, O sluggard, Observe her ways and be wise,

7 A qual, não tendo superior, nem oficial, nem dominador,

7 a qual, não tendo chefe, nem superintendente, nem governador,

7 Mesmo não tendo um chefe, nem supervisor, nem comandante,

7 Which, having no chief, Officer or ruler,

8 prepara no verão o seu pão; na sega ajunta o seu mantimento.

8 no verão faz a provisão do seu mantimento, e ajunta o seu alimento no tempo da ceifa.

8 armazena suas provisões no verão, e na época da colheita ajunta seu alimento,

8 Prepares her food in the summer And gathers her provision in the harvest.

9 Ó preguiçoso, até quando ficarás deitado? Quando te levantarás do teu sono?

9 o preguiçoso, até quando ficarás deitador? quando te levantarás do teu sono?

9 Ó preguiçoso, até quando ficarás deitado? Quando te levantarás da tua sonolência?

9 How long will you lie down, O sluggard? When will you arise from your sleep?

10 Um pouco de sono, um pouco tosquenejando, um pouco encruzando as mãos, para estar deitado,

10 um pouco para dormir, um pouco para toscanejar, um pouco para cruzar as mãos em repouso;

10 Tirando uma pestana, cochilando um pouco, cruzando os braços para descansar,

10 "A little sleep, a little slumber, A little folding of the hands to rest"--

11 assim te sobrevirá a tua pobreza como um ladrão, e a tua necessidade, como um homem armado.

11 assim te sobrevirá a tua pobreza como um ladrão, e a tua necessidade como um homem armado.

11 tua iminente pobreza te aterrorizará, e tua necessidade te assaltará como um ladrão armado.

11 Your poverty will come in like a vagabond And your need like an armed man.

12 O homem de Belial, o homem vicioso, anda em perversidade de boca.

12 O homem vil, o homem iníquo, anda com a perversidade na boca,

12 O caráter do perverso é maligno. Caminha de um lado para o outro murmurando atrocidades,

12 A worthless person, a wicked man, Is the one who walks with a perverse mouth,

13 Acena com os olhos, fala com os pés, faz sinais com os dedos.

13 pisca os olhos, faz sinais com os pés, e acena com os dedos;

13 comunica-se sorrateiramente com os olhos, arrasta os pés e faz sinais com os dedos.

13 Who winks with his eyes, who signals with his feet, Who points with his fingers;

14 Perversidade há no seu coração; todo o tempo maquina mal; anda semeando contendas.

14 perversidade há no seu coração; todo o tempo maquina o mal; anda semeando contendas.

14 Em seu coração habita o engano; todo o tempo planeja o mal; anda semeando perversidades e discórdias.

14 Who with perversity in his heart continually devises evil, Who spreads strife.

15 Pelo que a sua destruição virá repentinamente; subitamente será quebrantado, sem que haja cura.

15 Pelo que a sua destruição virá repentinamente; subitamente será quebrantado, sem que haja cura.

15 Por essa razão, a desgraça se abaterá repentinamente sobre ele; de um golpe será completamente destruído, sem qualquer apelação.

15 Therefore his calamity will come suddenly; Instantly he will be broken and there will be no healing.

16 Estas seis coisas aborrece o SENHOR, e a sétima a sua alma abomina:

16 Há seis coisas que o Senhor detesta; sim, há sete que ele abomina:

16 Há seis atitudes que o SENHOR odeia, sete atitudes que ele detesta:

16 There are six things which the LORD hates, Yes, seven which are an abomination to Him:

17 olhos altivos, e língua mentirosa, e mãos que derramam sangue inocente,

17 olhos altivos, língua mentirosa, e mãos que derramam sangue inocente;

17 olhos arrogantes, língua mentirosa, mãos que derramam sangue inocente,

17 Haughty eyes, a lying tongue, And hands that shed innocent blood,

18 e coração que maquina pensamentos viciosos, e pés que se apressam a correr para o mal,

18 coração que maquina projetos iníquos, pés que se apressam a correr para o mal;

18 coração que maquina planos perversos, pés que se apressam para fazer o mal,

18 A heart that devises wicked plans, Feet that run rapidly to evil,

19 e testemunha falsa que profere mentiras, e o que semeia contendas entre irmãos.

19 testemunha falsa que profere mentiras, e o que semeia contendas entre irmãos.

19 a testemunha falsa que espalha difamações e aquele que provoca contendas entre irmãos!

19 A false witness who utters lies, And one who spreads strife among brothers.

20 Filho meu, guarda o mandamento de teu pai e não deixes a lei de tua mãe.

20 Filho meu, guarda o mandamento de, teu pai, e não abandones a instrução de tua mãe;

20 Filho meu, obedece à orientação de teu pai e não abandones o ensino de tua mãe.

20 My son, observe the commandment of your father And do not forsake the teaching of your mother;

21 Ata-os perpetuamente ao teu coração e pendura-os ao teu pescoço.

21 ata-os perpetuamente ao teu coração, e pendura-os ao teu pescoço.

21 Ata-os para sempre ao teu coração, envolve-os junto ao teu pescoço.

21 Bind them continually on your heart; Tie them around your neck.

22 Quando caminhares, isso te guiará; quando te deitares, te guardará; quando acordares, falará contigo.

22 Quando caminhares, isso te guiará; quando te deitares, te guardará; quando acordares, falará contigo.

22 Quando caminhares, eles te guiarão; quando te deitares, eles te protegerão durante o sono; quando acordares, eles dialogarão contigo!

22 When you walk about, they will guide you; When you sleep, they will watch over you; And when you awake, they will talk to you.

23 Porque o mandamento é uma lâmpada, e a lei, uma luz, e as repreensões da correção são o caminho da vida,

23 Porque o mandamento é uma lâmpada, e a instrução uma luz; e as repreensões da disciplina são o caminho da vida,

23 Porquanto, o mandamento é lâmpada, o ensino é luz, e as advertências da disciplina são o caminho que conduz à vida;

23 For the commandment is a lamp and the teaching is light; And reproofs for discipline are the way of life

24 para te guardarem da má mulher e das lisonjas da língua estranha.

24 para te guardarem da mulher má, e das lisonjas da língua da adúltera.

24 eles te guardarão da mulher imoral e das palavras lisonjeiras da mulher adúltera!

24 To keep you from the evil woman, From the smooth tongue of the adulteress.

25 Não cobices no teu coração a sua formosura, nem te prendas com os seus olhos.

25 Não cobices no teu coração a sua formosura, nem te deixes prender pelos seus olhares.

25 Não cobices no teu coração a sua beleza, nem te deixes seduzir por seus

25 Do not desire her beauty in your heart, Nor let her capture you with her eyelids.

26 Porque por causa de uma mulher prostituta se chega a pedir um bocado de pão; e a adúltera anda à caça de preciosa vida.

26 Porque o preço da prostituta é apenas um bocado de pão, mas a adúltera anda à caça da própria vida do homem.

26 pois o preço de uma prostituta é um pedaço de pão, quando comparado ao objetivo da adúltera, que vive rondando à caça de vidas preciosas!

26 For on account of a harlot one is reduced to a loaf of bread, And an adulteress hunts for the precious life.

27 Tomará alguém fogo no seu seio, sem que as suas vestes se queimem?

27 Pode alguém tomar fogo no seu seio, sem que os seus vestidos se queimem?

27 É possível alguém atear fogo ao próprio peito sem queimar a roupa?

27 Can a man take fire in his bosom And his clothes not be burned?

28 Ou andará alguém sobre as brasas, sem que se queimem os seus pés?

28 Ou andará sobre as brasas sem que se queimem os seus pés?

28 Pode alguém andar sobre brasas sem queimar os próprios pés?

28 Or can a man walk on hot coals And his feet not be scorched?

29 Assim será o que entrar à mulher do seu próximo; não ficará inocente todo aquele que a tocar.

29 Assim será o que entrar à mulher do seu proximo; não ficará inocente quem a tocar.

29 Assim acontece com quem se deita com mulher alheia; ninguém que a toque

29 So is the one who goes in to his neighbor's wife; Whoever touches her will not go unpunished.

30 Não se injuria o ladrão, quando furta para saciar a sua alma, tendo fome;

30 Não é desprezado o ladrão, mesmo quando furta para saciar a fome?

30 O ladrão não é execrado se, faminto, furta para matar a fome?

30 Men do not despise a thief if he steals To satisfy himself when he is hungry;

31 mas, encontrado, pagará sete vezes tanto; dará toda a fazenda de sua casa.

31 E, se for apanhado, pagará sete vezes tanto, dando até todos os bens de sua casa.

31 Contudo este, quando for pego, deverá pagar sete vezes o que furtou, ainda que

31 But when he is found, he must repay sevenfold; He must give all the substance of his house.

32 O que adultera com uma mulher é falto de entendimento; destrói a sua alma o que tal faz.

32 O que adultera com uma mulher é falto de entendimento; destrói-se a si mesmo, quem assim procede.

32 Mas o homem que comete adultério não tem juízo; qualquer pessoa que assim

32 The one who commits adultery with a woman is lacking sense; He who would destroy himself does it.

33 Achará castigo e vilipêndio, e o seu opróbrio nunca se apagará.

33 Receberá feridas e ignomínia, e o seu opróbrio nunca se apagará;

33 Sofrerá ferimentos e vergonha, e a sua humilhação jamais se apagará,

33 Wounds and disgrace he will find, And his reproach will not be blotted out.

34 Porque furioso é o ciúme do marido; e de maneira nenhuma perdoará no dia da vingança.

34 porque o ciúme enfurece ao marido, que de maneira nenhuma poupará no dia da vingança.

34 pois o ciúme desperta a fúria de um homem, que não terá misericórdia quando

34 For jealousy enrages a man, And he will not spare in the day of vengeance.

35 Nenhum resgate aceitará, nem consentirá, ainda que multipliques os presentes. 

35 Não aceitará resgate algum, nem se aplacará, ainda que multipliques os presentes.

35 Não aceitará nenhuma compensação; nem os mais caros presentes servirão

35 He will not accept any ransom, Nor will he be satisfied though you give many gifts.



Public Domain - Portuguese Bible [Almeida:1628-1691]

Bíblia King James Atualizada (Português) © 2012 Abba Press. Usado com permissão.

n/a

New American Standard Bible Copyright ©1960, 1962, 1963, 1968, 1971, 1972, 1973, 1975, 1977, 1995 by The Lockman Foundation, La Habra, Calif. All rights reserved. For Permission to Quote Information visit http://www.lockman.org