Tiago 3



1 MEUS irmãos, muitos de vós não sejam mestres, sabendo que receberemos mais duro juízo.

1 Meus irmãos, não sejais muitos de vós mestres, sabendo que receberemos um juízo mais severo.

1 Caros irmãos, não vos torneis muitos de vós mestres, porquanto sabeis que nós, os que ensinamos, seremos julgados com maior rigor.

1 Let not many of you become teachers, my brethren, knowing that as such we will incur a stricter judgment.

2 Porque todos tropeçamos em muitas coisas. Se alguém não tropeça em palavra, o tal varão é perfeito, e poderoso para também refrear todo o corpo.

2 Pois todos tropeçamos em muitas coisas. Se alguém não tropeça em palavra, esse é homem perfeito, e capaz de refrear também todo o corpo.

2 Afinal, todos tropeçamos de muitas maneiras. Se alguém não peca no falar, tal pessoa é perfeita, sendo igualmente capaz de dominar seu próprio corpo.

2 For we all stumble in many ways If anyone does not stumble in what he says, he is a perfect man, able to bridle the whole body as well.

3 Ora nós pomos freio nas bocas dos cavalos, para que nos obedeçam; e conseguimos dirigir todo o seu corpo.

3 Ora, se pomos freios na boca dos cavalos, para que nos obedeçam, então conseguimos dirigir todo o seu corpo.

3 Ora, ao colocarmos freios na boca dos cavalos, para que eles nos obedeçam, conseguimos controlar o animal todo.

3 Now if we put the bits into the horses' mouths so that they will obey us, we direct their entire body as well.

4 Vede também as naus que, sendo tão grandes, e levadas de impetuosos ventos, se viram com um bem pequeno leme para onde quer a vontade daquele que as governa.

4 Vede também os navios que, embora tão grandes e levados por impetuosos ventos, com um pequenino leme se voltam para onde quer o impulso do timoneiro.

4 Observai, por exemplo, os navios: embora sejam de grande porte e impelidos por fortes ventos, são dirigidos por um leme muito pequeno, de acordo com a vontade do piloto.

4 Look at the ships also, though they are so great and are driven by strong winds, are still directed by a very small rudder wherever the inclination of the pilot desires.

5 Assim também a língua é um pequeno membro, e gloria-se de grandes coisas. Vede quão grande bosque um pequeno fogo incendeia.

5 Assim também a língua é um pequeno membro, e se gaba de grandes coisas. Vede quão grande bosque um tão pequeno fogo incendeia.

5 Do mesmo modo a língua é um pequeno órgão do corpo, no entanto se vangloria de grandes realizações. Vede como um bosque imenso pode ser incendiado apenas por uma fagulha.

5 So also the tongue is a small part of the body, and yet it boasts of great things See how great a forest is set aflame by such a small fire!

6 A língua também é um fogo; como mundo de iniquidades, a língua está posta entre os nossos membros, e contamina todo o corpo, e inflama o curso da natureza, e é inflamada pelo inferno.

6 A língua também é um fogo; sim, a língua, qual mundo de iniqüidade, colocada entre os nossos membros, contamina todo o corpo, e inflama o curso da natureza, sendo por sua vez inflamada pelo inferno.

6 Semelhantemente, a língua é fogo; é um mundo de iniquidade; a língua está localizada entre os órgãos do nosso corpo, e pode contaminar a pessoa por inteiro, e não somente põe completamente em chamas o curso da nossa existência, como acaba, ela mesma, incendiada pelo inferno.

6 And the tongue is a fire, the very world of iniquity; the tongue is set among our members as that which defiles the entire body, and sets on fire the course of our life, and is set on fire by hell.

7 Porque toda a natureza, tanto de bestas feras como de aves, tanto de repteis como de animais do mar, se amansa e foi domada pela natureza humana;

7 Pois toda espécie tanto de feras, como de aves, tanto de répteis como de animais do mar, se doma, e tem sido domada pelo gênero humano;

7 Pois toda espécie de feras, aves, répteis e criaturas marinhas é possível domar e, de fato, tem sido domada pelos seres humanos;

7 For every species of beasts and birds, of reptiles and creatures of the sea, is tamed and has been tamed by the human race.

8 Mas nenhum homem pode domar a língua. É um mal que não se pode refrear; está cheia de peçonha mortal.

8 mas a língua, nenhum homem a pode domar. É um mal irrefreável; está cheia de peçonha mortal.

8 a língua, contudo, nenhuma pessoa consegue dominar. É um mal incontrolável, cheia de veneno mortal.

8 But no one can tame the tongue; it is a restless evil and full of deadly poison.

9 Com ela bem-dizemos a Deus e Pai, e com ela amaldiçoamos os homens, feitos à semelhança de Deus.

9 Com ela bendizemos ao Senhor e Pai, e com ela amaldiçoamos os homens, feitos à semelhança de Deus.

9 Com a língua bendizemos o Senhor e Pai, porém com ela amaldiçoamos nossos semelhantes, criados à imagem de Deus.

9 With it we bless our Lord and Father, and with it we curse men, who have been made in the likeness of God;

10 De uma mesma boca procede bênção e maldição. Meus irmãos, não convém que isto se faça assim.

10 Da mesma boca procede bênção e maldição. Não convém, meus irmãos, que se faça assim.

10 Da mesma boca procedem bênção e maldição. Meus queridos irmãos, isso não está certo!

10 from the same mouth come both blessing and cursing. My brethren, these things ought not to be this way.

11 Porventura deita alguma fonte de um mesmo manancial água doce e água amargosa?

11 Porventura a fonte deita da mesma abertura água doce e água amargosa?

11 Acaso pode, uma mesma fonte, jorrar água potável e água salobre?

11 Does a fountain send out from the same opening both fresh and bitter water?

12 Meus irmãos, pode também a figueira produzir azeitonas, ou a videira figos? Assim tampouco pode uma fonte dar água salgada e doce.

12 Meus irmãos, pode acaso uma figueira produzir azeitonas, ou uma videira figos? Nem tampouco pode uma fonte de água salgada dar água doce.

12 Ora, meus irmãos, é possível que uma figueira produza azeitonas ou uma videira, figos? Assim, também, uma fonte de água salgada não pode jorrar água doce. Cultivemos a sabedoria dos céus

12 Can a fig tree, my brethren, produce olives, or a vine produce figs? Nor can salt water produce fresh.

13 Quem de entre vós é sábio e entendido? Mostre pelo seu bom trato as suas obras em mansidão de sabedoria.

13 Quem dentre vós é sábio e entendido? Mostre pelo seu bom procedimento as suas obras em mansidão de sabedoria.

13 Quem, dentre vós, é sábio e tem verdadeiro entendimento? Que o demonstre por seu bom proceder cotidiano, mediante obras praticadas com humildade que têm origem na sabedoria.

13 Who among you is wise and understanding? Let him show by his good behavior his deeds in the gentleness of wisdom.

14 Mas, se tendes amarga inveja, e sentimento faccioso em vosso coração, não vos glorieis, nem mintais contra a verdade.

14 Mas, se tendes amargo ciúme e sentimento faccioso em vosso coração, não vos glorieis, nem mintais contra a verdade.

14 No entanto, se abrigas em vosso coração inveja, amargura e ambição egoísta, não vos orgulheis disso, nem procureis negar a verdade.

14 But if you have bitter jealousy and selfish ambition in your heart, do not be arrogant and so lie against the truth.

15 Essa não é a sabedoria que vem do alto, mas é terrena, animal e diabólica.

15 Essa não é a sabedoria que vem do alto, mas é terrena, animal e diabólica.

15 Porquanto, esse tipo de sabedoria não vem dos céus, mas é terrena; não é celestial, mas demoníaca.

15 This wisdom is not that which comes down from above, but is earthly, natural, demonic.

16 Porque onde há inveja e espírito faccioso aí há perturbação e toda a obra perversa.

16 Porque onde há ciúme e sentimento faccioso, aí há confusão e toda obra má.

16 Pois, onde existe inveja e rivalidade, aí há confusão e todo tipo de atitudes maléficas.

16 For where jealousy and selfish ambition exist, there is disorder and every evil thing.

17 Mas a sabedoria que do alto vem é, primeiramente, pura, depois pacífica, moderada, tratável, cheia de misericórdia e de bons frutos, sem parcialidade, e sem hipocrisia.

17 Mas a sabedoria que vem do alto é, primeiramente, pura, depois pacífica, moderada, tratável, cheia de misericórdia e de bons frutos, sem parcialidade, e sem hipocrisia.

17 Porém, a sabedoria que vem do alto é antes de tudo pura, repleta de misericórdia e de bons frutos, imparcial e sem hipocrisia.

17 But the wisdom from above is first pure, then peaceable, gentle, reasonable, full of mercy and good fruits, unwavering, without hypocrisy.

18 Ora o fruto da justiça semeia-se na paz, para os que exercitam a paz.

18 Ora, o fruto da justiça semeia-se em paz para aqueles que promovem a paz.

18 Ora, a justiça é a colheita produzida por aqueles que semeiam a paz.

18 And the seed whose fruit is righteousness is sown in peace by those who make peace.



Public Domain - Portuguese Bible [Almeida:1628-1691]

Bíblia King James Atualizada (Português) © 2012 Abba Press. Usado com permissão.

n/a

New American Standard Bible Copyright ©1960, 1962, 1963, 1968, 1971, 1972, 1973, 1975, 1977, 1995 by The Lockman Foundation, La Habra, Calif. All rights reserved. For Permission to Quote Information visit http://www.lockman.org