Jó 14



1 O homem, nascido da mulher, é de bem poucos dias e cheio de inquietação.

1 O homem, nascido da mulher, é de poucos dias e cheio de inquietação.

1 “O homem nascido de mulher tem vida curta e passa por muitos desapontamentos e dificuldades.

1 "Man, who is born of woman, Is short-lived and full of turmoil.

2 Sai como a flor e se seca; foge também como a sombra e não permanece.

2 Nasce como a flor, e murcha; foge também como a sombra, e não permanece.

2 É como flor que se abre vigorosa, mas logo murcha, seca e vai-se como a sombra que passa, não dura por muito tempo.

2 "Like a flower he comes forth and withers He also flees like a shadow and does not remain.

3 E sobre este tal abres os teus olhos, e a mim me fazes entrar em juízo contigo.

3 Sobre esse tal abres os teus olhos, e a mim me fazes entrar em juízo contigo?

3 É nesse tipo de ser humano que teus olhos reparam? Nada sou, por que me conduzes ao tribunal para ser julgado?

3 "You also open Your eyes on him And bring him into judgment with Yourself.

4 (Quem do imundo tirará o puro? Ninguém!)

4 Quem do imundo tirará o puro? Ninguém.

4 Quem tem o poder de extrair algo puro e bom da impureza e da impiedade? Ora, nenhum ser humano, com certeza!

4 "Who can make the clean out of the unclean? No one!

5 Visto que os seus dias estão determinados, contigo está o número dos seus meses; e tu lhe puseste limites, e não passará além deles.

5 Visto que os seus dias estão determinados, contigo está o número dos seus meses; tu lhe puseste limites, e ele não poderá passar além deles.

5 Tu já avaliaste quantos meses e dias cada ser humano vai viver; o tempo de vida de cada pessoa já está decidido, e não há ninguém que possa mudar isso!

5 "Since his days are determined, The number of his months is with You; And his limits You have set so that he cannot pass.

6 Desvia-te dele, para que tenha repouso, até que, como o jornaleiro, tenha contentamento no seu dia.

6 Desvia dele o teu rosto, para que ele descanse e, como o jornaleiro, tenha contentamento no seu dia.

6 Portanto, desvia o teu olhar de nossas pessoas e abandona-nos ao nosso próprio destino, como chega ao fim o dia de um trabalhador.

6 "Turn Your gaze from him that he may rest, Until he fulfills his day like a hired man.

7 Porque há esperança para a árvore, que, se for cortada, ainda se renovará, e não cessarão os seus renovos.

7 Porque há esperança para a árvore, que, se for cortada, ainda torne a brotar, e que não cessem os seus renovos.

7 Para uma árvore há mais esperança; pois se for cortada, ainda é possível que volte a brotar e torne a viver.

7 "For there is hope for a tree, When it is cut down, that it will sprout again, And its shoots will not fail.

8 Se envelhecer na terra a sua raiz, e morrer o seu tronco no pó,

8 Ainda que envelheça a sua raiz na terra, e morra o seu tronco no pó,

8 Ainda que suas raízes envelheçam, e o seu tronco morra no chão,

8 "Though its roots grow old in the ground And its stump dies in the dry soil,

9 ao cheiro das águas, brotará e dará ramos como a planta.

9 contudo ao cheiro das águas brotará, e lançará ramos como uma planta nova.

9 basta um pouco de água, e ela se revitalizará e produzirá novos brotos e ramos como se fosse uma planta nova.

9 At the scent of water it will flourish And put forth sprigs like a plant.

10 Mas, morto o homem, é consumido; sim, rendendo o homem o espírito, então, onde está?

10 O homem, porém, morre e se desfaz; sim, rende o homem o espírito, e então onde está?

10 Todavia, quando um ser humano morre, tudo se encerra; morremos e nosso corpo se desfaz; logo depois do último suspiro nessa terra, para onde vai o nosso espírito?

10 "But man dies and lies prostrate Man expires, and where is he?

11 Como as águas se retiram do mar, e o rio se esgota e fica seco,

11 Como as águas se retiram de um lago, e um rio se esgota e seca,

11 Assim como a água do mar evapora e os ribeiros deixam de fluir e secam,

11 "As water evaporates from the sea, And a river becomes parched and dried up,

12 assim o homem se deita e não se levanta; até que não haja mais céus, não acordará, nem se erguerá de seu sono.

12 assim o homem se deita, e não se levanta; até que não haja mais céus não acordará nem será despertado de seu sono.

12 assim o ser humano se deixa para morrer e não mais se levantará; até quando os céus já não existirem, os homens não acordarão e nada os despertará do seu descanso mortal.

12 So man lies down and does not rise. Until the heavens are no longer, He will not awake nor be aroused out of his sleep.

13 Tomara que me escondesses na sepultura, e me ocultasses até que a tua ira se desviasse, e me pusesses um limite, e te lembrasses de mim!

13 Oxalá me escondesses no Seol, e me ocultasses até que a tua ira tenha passado; que me determinasses um tempo, e te lembrasses de mim!

13 Ah! Se tu me escondesses no Sheol, na sepultura, no pó da terra, e me ocultasses até que a tua ira se desvanecesse. Se tão somente me impusesses um prazo e depois te lembrasses de mim!

13 "Oh that You would hide me in Sheol, That You would conceal me until Your wrath returns to You, That You would set a limit for me and remember me!

14 Morrendo o homem, porventura, tornará a viver? Todos os dias de meu combate esperaria, até que viesse a minha mudança.

14 Morrendo o homem, acaso tornará a viver? Todos os dias da minha lida esperaria eu, até que viesse a minha mudança.

14 Mas será possível que alguém que morra volte a essa vida depois de ter morrido? Quanto a mim, esperarei por dias melhores, até que seja liberado das minhas lutas e do meu árduo labor.

14 "If a man dies, will he live again? All the days of my struggle I will wait Until my change comes.

15 Chamar-me-ias, e eu te responderia; afeiçoa-te à obra de tuas mãos.

15 Chamar-me-ias, e eu te responderia; almejarias a obra de tuas mãos.

15 No dia da libertação me chamarás e eu te responderei; e terás grande prazer na minha pessoa, pois me criaste.

15 "You will call, and I will answer You; You will long for the work of Your hands.

16 Mas agora contas os meus passos; não estás tu vigilante sobre o meu pecado?

16 Então contarias os meus passos; não estarias a vigiar sobre o meu pecado;

16 Cuidarás de todos os meus passos a fim de que eu não erre nem peque contra ti; não mais ficarás apenas vigiando o meu pecado.

16 "For now You number my steps, You do not observe my sin.

17 A minha transgressão está selada num saco, e amontoas as minhas iniquidades.

17 a minha transgressão estaria selada num saco, e ocultarias a minha iniqüidade.

17 A minha transgressão e as minhas faltas serão todas recolhidas e lacradas em um saco de lixo; e toda a minha iniquidade será descartada.

17 "My transgression is sealed up in a bag, And You wrap up my iniquity.

18 E, na verdade, caindo a montanha, desfaz-se; e a rocha se remove do seu lugar.

18 Mas, na verdade, a montanha cai e se desfaz, e a rocha se remove do seu lugar.

18 Contudo, do mesmo modo como as montanhas vão se desmoronando, e as rochas são arrancadas de seus lugares;

18 "But the falling mountain crumbles away, And the rock moves from its place;

19 As águas gastam as pedras; as cheias afogam o pó da terra; e tu fazes perecer a esperança do homem.

19 As águas gastam as pedras; as enchentes arrebatam o solo; assim tu fazes perecer a esperança do homem.

19 assim como as águas desgastam e carregam as pedras, e as correntezas transportam a terra de um ponto a outro, assim destróis a esperança do ser humano.

19 Water wears away stones, Its torrents wash away the dust of the earth; So You destroy man's hope.

20 Tu para sempre prevaleces contra ele, e ele passa; tu, mudando o seu rosto, o despedes.

20 Prevaleces para sempre contra ele, e ele passa; mudas o seu rosto e o despedes.

20 Tu o subjugas de uma vez por todas, e ele se vai para sempre; mudas a sua fisionomia quando o despedes deste mundo.

20 "You forever overpower him and he departs; You change his appearance and send him away.

21 Os seus filhos estão em honra, sem que ele o saiba; ou ficam minguados, sem que ele o perceba;

21 Os seus filhos recebem honras, sem que ele o saiba; são humilhados sem que ele o perceba.

21 Se seus filhos são homenageados, ele não fica sabendo; se são humilhados ou caem em desgraça, ele nada vê nem percebe.

21 "His sons achieve honor, but he does not know it; Or they become insignificant, but he does not perceive it.

22 mas a sua carne, nele, tem dores; e a sua alma, nele, lamenta.

22 Sente as dores do seu próprio corpo somente, e só por si mesmo lamenta.

22 Ele sente apenas as dores do seu próprio corpo; só consegue lamentar por si mesmo!”

22 "But his body pains him, And he mourns only for himself."



Public Domain - Portuguese Bible [Almeida:1628-1691]

Bíblia King James Atualizada (Português) © 2012 Abba Press. Usado com permissão.

n/a

New American Standard Bible Copyright ©1960, 1962, 1963, 1968, 1971, 1972, 1973, 1975, 1977, 1995 by The Lockman Foundation, La Habra, Calif. All rights reserved. For Permission to Quote Information visit http://www.lockman.org